zumbis

[NerdList] 5 Séries sobre Zumbis

Oi, pessoal! Não é segredo para ninguém que sou doida por zumbis, né? Gosto de livros, filmes e, é claro, séries sobre zumbis. Com o Halloween chegando, que tal algumas sugestões de séries sobre os meus mortos-vivos favoritos?

1. The Walking Dead

Para começar, nada melhor que uma série popular. The Walking Dead foi originalmente sucesso nos quadrinhos, mas estourou mesmo quando a Fox decidiu fazer uma adaptação. Hoje não há quem desconheça completamente a história de Rick Grimes e seu grupo de sobreviventes.
Como talvez vocês já saibam, tudo começa com Rick, um xerife de uma cidadezinha, acordando de um coma meses depois de receber um tiro. Enquanto ele anda pelo hospital abandonado, percebe que algo muito sério aconteceu ali, mas as coisas só se tornam mais e mais confusas à medida que ele se depara com cadáveres ambulantes.

Daí por diante, Rick toma por objetivo encontrar sua esposa e filho para sobreviverem juntos ao apocalipse zumbi, o que nem sempre se limita a ter que lutar apenas com os mortos.
Os pontos altos da série são alguns dos personagens, como Daryl e Michonne, assim como o foco em mostrar as dificuldades em sobreviver em um cenário com poucos humanos e recursos escassos.
Os pontos negativos são outros personagens, como Andrea (que, nos quadrinhos, é minha favorita), e algumas incongruências comuns ao gênero – gasolina que, embora difícil, nunca acaba; mulherada depilada e de sobrancelha perfeita… Além de alguns pedaços bem monótonos em praticamente todas as temporadas.
No todo, como podem perceber, é uma série que merece sua atenção. Não é à toa que até quem não gosta de zumbis está acompanhando, né?

Há também o spin-off Fear the Walking Dead, que eu vi apenas alguns episódios e conta a história do apocalipse zumbi do ponto de vista de uma família meio problemática em Los Angeles.

2. Z Nation

Então… Todo amante de zumbis tem (ou precisa desenvolver) um carinho por algumas coisas que seriam consideradas trash por muita gente. Ou, pelo menos, tolerância. Z Nation, produzida pelo canal divo Syfy e disponível pela Netflix, tem vários momentos bem inverossímeis ou apenas mal feitos (o bebê zumbi é o mais gritante entre eles), mas ganhou meu coração pela matança.
No começo do apocalipse, uma certa vacina antizumbi foi testada em prisioneiros e, embora tenha falhado grotescamente no princípio, ela acaba funcionando. Murphy, o prisioneiro, sobrevive a um ataque de zumbis logo após a vacina ser aplicada e se torna a relutante esperança da humanidade. E cabe aos sobreviventes se certificar que ele chegue a um Centro de Controle de Doenças para que a cura seja reproduzida e distribuída.
O ponto alto da série é mesmo a matança de zumbis, especialmente na primeira temporada. E as esquisitices. Gosto de esquisitices, como o Zombinado (sim, um tornado de zumbis).
O ponto negativo é… bem, os efeitos não são tão especiais assim. E o roteiro nem sempre faz muito sentido.

3. iZombie

Aqui, nada de Zombocalipse. O mundo continua basicamente o mesmo, mas não para aqueles que foram a uma festa no barco em uma certa noite. Lá, uma droga chamada Utopium foi misturada a um energético e as pessoas ficaram fora de controle. Tão fora de controle que começaram a atacar uns aos outros e todo mundo morreu.
Inclusive a Dra. Olívia Moore, mas ela não continuou morta por muito tempo. Como é de se esperar, ressuscitar tem um preço: a doce Olívia desenvolve um desejo incontrolável por cérebros, seus cabelos se tornam brancos e a pele, pálida como a de um cadáver (hehe). Além disso, ela decide tornar-se médica legista, o que tem a vantagem de facilitar seu acesso ao único alimento de sua nova dieta, afasta-se de todos e termina seu noivado com o Mason, o cara perfeito.
O ônus – ou bônus, dependendo do ponto de vista – de comer cérebros é que ela recebe algumas das memórias da sua refeição e isso acaba levando nossa protagonista a trabalhar com a polícia, ajudando a resolver homicídios ao passar-se por vidente. Agora ela tem que conciliar seu trabalho como legista e suas “visões”, sem deixar que ninguém descubra que, na verdade, ela está mortinha da Silva. E, ao contrário do que ela supunha, há mais zumbis por aí.
O ponto alto é que temos um roteiro bem diferente, mais investigativo que gore. Não tem zumbis grunhindo por aí nem nada assim, mas ainda tem umas nojeiras e muito cérebro sendo comido (com receitinhas e tudo).
O ponto negativo é que, em muitos momentos, a série se foca no relacionamento Mason & Olívia, o que fica meio chato às vezes, mas dá pra relevar.

4. In the flash

Essa, infelizmente, é uma série que ficou sem final porque a BBC decidiu cancelar sua produção, mas as duas temporadas existentes são muito, muito legais. Aqui, o apocalipse zumbi veio e se foi, uma vez que uma cura foi encontrada e os mortos-vivos foram trazidos de volta à vida – ou, pelo menos, tomaram controle de seus corpos novamente. No entanto, isso não apaga o fato que eles mataram seus amigos, vizinhos e familiares, o que torna a reintegração dos ex-zumbis uma tarefa nada fácil.
Kieren Walker é o nosso protagonista e o acompanhamos quando ele volta a morar com sua família em uma pequena cidade da Inglaterra após um período ausente. Embora seus pais tentem facilitar sua pós-vida, sua irmã faz parte de um grupo anti-mortos-vivos que tomou para si a tarefa de “proteger” a cidade. E ela não é, definitivamente, a única descontente com o fato de Kieren não ter morrido de vez.
O ponto alto é que In the flesh é mais que uma série de zumbis; ela aborda assuntos difíceis como luto, homossexualismo, suicídio, diversidade e, por que não?, amor. Tudo isso em um adorável sotaque britânico.
O ponto negativo é, evidentemente, a falta de uma conclusão decente para a história. A segunda temporada termina em um momento de tensão e suspense, então é muita sacanagem não ter nem um filme ou um livro que narre o que aconteceria depois dali.

5. Santa Clarita Diet

Sabe aqueles casais que dão certo mesmo que nem todos entendam como dão certo? Pois é. Zumbis e comédia são um desses casais improváveis. Por outro lado, Sheila e Joel estão juntos desde o ensino médio e tem uma vida das mais previsíveis, com um emprego estável como corretores e uma filha adolescente. Num belo dia, enquanto mostram uma casa para possíveis compradores, Sheila sente-se mal e… bem, vomita muito. Muito mesmo.
Depois desse momento nojentinho, no entanto, Sheila começa a se sentir melhor do que nunca. Com mais energia, mais disposição, mais animação… e mais apetite. Carne (crua!) se torna a única coisa no seu cardápio e tudo vai relativamente bem enquanto carne de animais mata sua fome, mas ela logo descobre que tem um tipo de carne bem melhor: a humana.
Os pontos altos dessa série são vários. Drew Barrymore está fantástica como Sheila, mas os outros atores (que eu não conhecia) são ótimos também. O roteiro – já incluindo aí as piadas e as situações e os diálogos – é sensacional, assim como a mitologia dos zumbis na série.
Honestamente, não consigo pensar em um ponto negativo, a não ser os momentos trash, com muito vômito e membros humanos meio falsos, mas eles servem bem ao tom de comédia da série original Netflix.

BÔNUS

Quis fazer um TOP 5, mas ainda tenho algumas coisinhas para indicar, então vamos ter 2 séries bônus!

Amorteamo

Porque as produções brasileiras também merecem espaço. Devo confessar que assisti apenas a alguns pedaços da série, mas pretendo assistir inteira em breve. Pelo que eu vi, no entanto, a série tem a premissa básica de A Noiva Cadáver com toques de Incidente em Antares.
Gabriel, filho de Arlinda com seu amante Chico, tem um caso com Lena, a filha da empregada. O pai adotivo do rapaz, Aragão, prefere casá-lo com Malvina, a filha de um homem rico da cidade, o que ajudaria Aragão a se livrar das dívidas. Apesar das mentiras dele, Gabriel deixa Malvina no altar e foge com Lena, o que resulta na morte da noiva. Cheio de culpa, ele desenterra a jovem para poder se despedir dela, mas acaba trazendo-na de volta à “vida”, junto com boa parte do cemitério da cidade. 
Viu? A Noiva Cadáver com Incidente em Antares. De qualquer forma, o elenco parece ser o ponto alto da série, assim como os cenários.
O ponto negativo é a falta de originalidade, embora o resultado tenha sido positivo.

Dead Set

Essa série é bem mais sanguinolenta que Amorteamo, mas entrou nos bônus por ser bem curtinha. Com apenas 5 episódios, a produção britânica nos mostra o começo de um apocalipse zumbi sob o ponto de vista da equipe de filmagem e os participantes do Big Brother.
Ok, não é a melhor sinopse, mas o ponto alto aqui é a originalidade. Com o baixo orçamento (comum a produções zumbeicas), é difícil citar os efeitos como um ponto negativo, então vou deixar para vocês decidirem se tem algum.

Concluindo…

Como vocês podem ver, tem zumbis para todos os gostos! Além desses, ainda tem algumas séries que trazem os mortos de volta à vida, como The Glitch, Les Revenants/The Returned e Resurrection, mas as deixei de lado nessa lista pois os “ressuscitados” não são tão zumbeicos nessas produções.
E vocês? Assistem alguma dessas séries? Qual a melhor? Não esqueçam de deixar um comentário, hein?

About Camila Villalba

Nerd, professora, escritora, preparadora textual, tradutora e humana da Shadow e da Snow. Viciada em histórias, livros, séries, filmes, fantasia, terror e zumbis. Fundadora The Nerd Bubble, que tornou-se A Cripta Nerd depois de dois anos de vida.

10 thoughts on “[NerdList] 5 Séries sobre Zumbis

    1. É, TWD anda bem menos legal do que já foi, mas ainda tenho esperança que algo super legal vai acontecer e salvar a série (mas ainda não terminei a temporada passada) huahauhauhaua
      Obrigada pelo comentário e volte sempre!

      Bjs da Cami

  1. Olá, Camila! Tudo bem?

    Conheço quase todas as séries dessa lista, mas ainda não vi nenhuma. Apesar de todos comentarem bastante de The Walking Dead, ainda não tive o interesse de vê-la. Desde o lançamento de iZombie, só vi comentários negativos a respeito da série, mas enfim, não tive a oportunidade de ver para tirar minhas conclusões. Também pretendo ver Amorteamo, parece ser muito boa!

    Beijão
    Cantinho da Escrita

    1. Oi!! Também adoro esses dois! “The Walking Dead” foi muito legal no começo, mas tem ficado bem meia-boca de um tempo pra cá :/

      Obrigada pelo comentário e volte sempre!

      Bjs da Cami

Deixe uma resposta